24 de novembro de 2015

Bebê nasce com microcefalia na BA e Vigilância investiga relação com Zika

Um bebê nasceu com microcefalia na cidade de Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador, na ultima quarta-feira (18) e, segundo informações da direção do Hospital da Mulher, o caso está sob investigação para descobrir se há relação com o Zika Vírus. A paciente é moradora de Amélia Rodrigues, cidade a cerca de 28 km de Feira de Santana. Ainda segundo a unidade de saúde, a gestante relatou ter apresentado sintomas da vírus no sexto mês de gravidez.
"Não sabemos ainda se há relação com o Zika porque ela é uma paciente de outro município. A Vigilância Epidemiológia da cidade vai investigar o caso. Ela nos contou que no sexto mês de gravidez teve eritemas [lesões avermelhadas] na pele, mas não teve febre. Disse que foi em um posto de saúde da cidade dela e não falaram nada referente ao Zika. Ela só veio pra gente [Hospital da Mulher] e pariu. A Vigilância de Amélia Rodrigues vai à casa dela, vai investigar. Enfim, vai fazer um rastreamento, para ver se a microcefalia tem ligação com o Zika", explicou Charline Portugal, diretora do Hospital da Mulher. De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), o caso em Feira de Santana ainda não foi registrado pelo órgão. Ainda segundo a pasta, a Bahia já possui 13 casos de microcefalia registrados formalmente em 2015. Já o Ministério da Saúde aponta oito casos da doença no estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nunca diga para os outros, aquilo que não gostaria de ouvir