31 de maio de 2014

PRESIDENTA DILMA VETARÁ PARCIALMENTE O PISO


Segundo deputados e senadores do PT, a presidenta Dilma vetará parcialmente o piso nacional dos agentes. Daqui a pouco maiores informações.

Fonte: ACS ROBERTO

30 de maio de 2014

Por conta da fiança, Prisco só deve ser liberado a partir de segunda-feira


Por conta da fiança, Prisco só deve ser liberado a partir de segunda-feira
Ele permanecerá preso no fim de semana | Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil
O vereador Marco Prisco (PSDB) não será solto na noite desta sexta-feira (30), conforme havia previsto inicialmente a defesa do tucano, cuja prisão foirevogada pela Justiça. De acordo com o advogado Fábio Brito, a guia de pagamento da fiança determinada judicialmente, no valor de 30 salários mínimos (em torno de R$ 21 mil), só poderá ser paga “na boca do caixa” em horário bancário a partir de segunda-feira. O defensor espera que, após debitada a quantia, Prisco saia do Complexo da Papuda até o meio-dia de segunda. Segundo Brito, o vereador está ciente e pretende cumprir todas as condições impostas para sua liberação – as proibições de sair de Salvador sem autorização judicial, frequentar quartéis ou outros estabelecimentos militares e manter contato com os diretores das instituições, além das obrigações de comparecer mensalmente à Justiça para informar as atividades e de se afastar da diretoria de qualquer associação da categoria. A defesa do tucano pretende, no entanto, buscar a flexibilização das imposições para que o vereador possa concorrer às eleições de outubro, como postulante a deputado estadual. “Por uma questão de isonomia em relação aos outros candidatos, para ele poder sair da comarca [Salvador]. Ele participa de sessão da Câmara Municipal e não está foragido. Depois da Copa do Mundo acredito que vamos conseguir a flexibilização das medidas”, avaliou o advogado. Prisco está preso há mais de um mês, no Complexo de Papuda, por crimes contra a segurança nacional, praticados durante a greve da Polícia Militar de 2012. O vereador também liderou o último movimento paredista da classe, que terminou dois dias antes da sua prisão, em abril. 

Bahianotícias

Transalvador redistribui 55 linhas da Barramar entre 15 empresas de ônibus


Transalvador redistribui 55 linhas da Barramar entre 15 empresas de ônibus
Foto: Divulgação
Após o fechamento da empresa de ônibus Barramar, anunciado nesta quinta-feira (29) pelo secretário de Urbanismo e Transporte (Semut), Fábio Mota, a Transalvador remanejou as 55 em operação pela companhia para outras 15 concessionárias de transporte coletivo, que assumirão a operação dos trajetos a partir deste domingo (1º).  “A redistribuição das linhas e da frota de 218 veículos da Barramar foi realizada com base em critérios técnicos, levando em consideração a necessidade de manter o equilíbrio do sistema de transporte público da cidade”, afirmou o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller. Ele ainda informou que a Barramar garantiu o cumprimento dos compromissos trabalhistas com os funcionários demitidos. “Há também um acordo fechado entre a Transalvador, o Sindicato dos Rodoviários e o Setps para absorver a mão-de-obra liberada com o fechamento da Barramar”, acrescenta. Veja aqui a redistribuição das rotas da empresa.

Bahianotícias

PRISÃO DO VEREADOR PRISCO É REVOGADA

O vereador Prisco teve prisão revogada há poucos. Portanto, nas próximas horas, deve sair da cadeia.

Band Bahia

CAMPANHA SALARIAL DE 2014:RESISTÊNCIAS E AVANÇOS


A campanha salarial de 2014 foi muito dura. O gestor não estava flexível e, por conta do Plano de Cargos e Vencimentos (PCV) dos outros servidores, os da saúde não obtiveram aumento, além dos 5,5% da progressão do PCV.
Dentre os trabalhadores dessa área, os agentes deram um passo a mais, porque, além do percentual já citado, conseguiram também 3,61% sobre o base mais 2,5% sobre a Gratificação por Competência, percentual este que seria aplicado apenas em 2017, mas, por causa da luta da Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador – BA (AACES), foi antecipada para 2014. Mas também a Gratificação de Periferia (10%) foi estendida aos agentes comunitários de saúde (ACSs), além dos dias abonados.
Certamente não era o que os sindicalistas reivindicavam nem o que a categoria deseja, mas foi o possível. Portanto, houve um reajuste aos agentes acima do que foi dado aos demais servidores da saúde. Todo esse processo foi acompanhado, discutido e aprovado pelos servidores que se compareceram às mobilizações e às assembleias . Tudo foi feito com transparência e democracia.

Em tempo: Por conta do fechamento da folha ter ocorrido antes da finalização da greve, os dias 28,29 e 30 de abril foram descontados de alguns agentes de saúde. No entanto, serão reembolsados aos trabalhadores, e a AACES está trabalhando para que o reembolso seja o mais rápido possível.
Mas a luta continua! O piso está para ser sancionado pela presidenta Dilma, e os agentes precisam fazer sua parte para que o objetivo seja alcançado. Mande seu recado à presidenta, acessando o link abaixo:https://sistema.planalto.gov.br/falepr2/index.php
Sugestão de texto: Presidenta Dilma, Vossa Excelência sabe da importância dos agentes de saúde na saúde preventiva, bem como da força dessa categoria nas mobilizações e nas redes sociais. Dessa forma, solicito a sua sanção ao PLS 270/2006.
Atenciosamente, 
Seu Nome


29 de maio de 2014

DIAS 28,29 E 30 DE ABRIL SERÃO REEMBOLSADOS


Por conta do fechamento da folha ter ocorrido antes da finalização da greve, os dias 28,29 e 30 de abril foram descontados de alguns agentes de saúde. No entanto, serão reembolsados aos trabalhadores, e a Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador - BA (AACES) está trabalhando para que o reembolso seja o mais rápido possível.

CONTRACHEQUE DISPONÍVEL; DINDIM NA CONTA AMANHÃ

Atenção, agentes de saúde! O contracheque já está disponível, e o dindim estará na conta amanhã.
Obs.: Alguns colegas tiveram os dias 28, 29 e 30 de abril descontados. Esses dias serão reembolsados aos trabalhadores. Daqui a pouco maiores explicações.




Lídice tem menor rejeição e bateria Rui Costa em provável 2º turno


A senadora socialista bateria o petista por 36% contra 16% se a disputa fosse entre eles

Num eventual segundo turno, Paulo Souto venceria, hoje, tanto Lídice da Mata (46% x 18%) quanto Rui Costa (48% x 15%). A senadora socialista bateria o petista por 36% contra 16% se a disputa fosse entre eles. Neste caso, a soma dos que anulariam ou votariam em branco é de um terço do eleitorado: 33%. Em matéria de rejeição, ninguém bate Da Luz; 28% não votariam nele de jeito algum. Souto e Costa têm o mesmo índice neste quesito: 14% e o desempenho de Lídice é um pouco melhor (11%). Para 47% da pesquisa, Paulo Souto será o próximo governador da Bahia. Lídice e Rui Costa aparecem empatados no percentual dos que os apontam como favoritos com 8%. A pesquisa Ibope/CORREIO foi realizada entre os dias 15 e 19 de maio de 2014 com 1.008 entrevistados. O nível de confiança utilizado é de 95%.

28 de maio de 2014

PISO NACIONAL: AGENTES DE SAÚDE, AGORA É COM A GENTE!


Na iminência do veto da presidenta Dilma ao PLS 270/2006, vamos pressioná-la para que nosso objetivo seja atingido. Dessa forma, envie o seu recado, acessando o link abaixo: 
https://sistema.planalto.gov.br/falepr2/index.php 
Sugestão de texto:



Presidenta Dilma,

Vossa Excelência sabe da importância dos agentes de saúde na saúde preventiva, bem como da força dessa categoria nas mobilizações e nas redes sociais. Dessa forma, solicito a sua sanção ao PLS 270/2006.
Atenciosamente,
Ubiraci Moraes.

PRESIDENTA PODE VETAR PLS 270/2006


                                   ATENÇÃO! URGENTE! ATENÇÃO! URGENTE!

Meus amigos do face, hoje eu e Ruth Brilhante estivemos no Congresso Nacional a fim de buscar informações sobre o andamento do PLS 270/06, para a sanção da Presidente Dilma Rousseff. Temos 2 notícias.
A 1ª notícia é boa, e se refere ao fato de que ainda hoje o projeto do Piso Salarial foi encaminhado a Casa Civil, e o prazo para sanção ou veto é de 15 dias úteis a conta de amanhã! Assim, a presidente tem até o dia 18/06 para sancionar ou vetar o PLS 270/06.
Já a 2ª notícia é péssima: Segundo a assessoria da SRI (Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República), a primeira intenção da Presidente é de VETAR o PLS 270/06 e encaminhar um outro projeto "dela", para o Senado Federal, e começar tudo de novo do "zero".
Por outro lado, segundo essa assessora, pode ser que a Presidenta mude de ideia, assim como fez com o PL da aposentadoria especial das policiais, sancionado semana passada. A atual situação política pode desencorajar a presidente a vetar um Projeto tão relevante para uma categoria numerosa e de força política incalculável!
DESSA FORMA, EM CARÁTER DE URGÊNCIA A CONACS SOLICITA QUE TODAS AS ENTIDADES DE CLASSE COMPROMETIDAS COM A LUTA DA APROVAÇÃO DO PISO SALARIAL NACIONAL DOS ACS E ACE, ENCAMINHEM COM URGÊNCIA CARTA à PRESIDENTA DILMA ROUSSEF, REIVINDICANDO A IMEDIATA SANÇÃO DO PLS 270/06.
PARA ISSO, UTILIZE O LINK ABAIXO E PREENCHA O FORMULÁRIO DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA! OU SE QUISER ENCAMINHE UMA CARTA VIA CORREIO NO ENDEREÇO:
Presidenta Dilma Rousseff
Praça dos Três Poderes, Palácio do Planalto
70150-900 Brasília/DF
https://sistema.planalto.gov.br/falepr2/index.php
Fonte: Dra. Elane Alves de Almeida

ATENÇÃO, AGENTES DE SAÚDE!


Hoje, dia 28, chega à Presidência da República o PLS270/2006 pra ser sancionado pela presidenta.
Anexado o Ofício SF nº 785, de 28/05/14, ao Senhor Ministro de Estado Chefe da Casa Civil, encaminhando a Mensagem SF nº 59/14 à Excelentíssima Senhora Presidente da República, submetendo à sanção presidencial autógrafos do Projeto (fls. 92 a 97).
Anexado o Ofício SF nº 786, de 28/05/14, ao Senhor Primeiro-Secretário da Câmara dos Deputados, comunicando que o Projeto foi encaminhado à sanção presidencial (fl. 98).
Textos:Autógrafo enviado à sanção
Fonte:SENADO FEDERAL

Salvador amanhece sem ônibus no segundo dia de greve dos Rodoviários


A cidade de Salvador amanheceu sem ônibus no segundo dia de greve dos Rodoviários, nesta quarta-feira (28). Diferente de ontem, várias paradas de ônibus localizados na Estação Pirajá, no Terminal da França, Orla sentido Pituba, na Avenida Sete de Setembro estão vazios nesta manhã.  Ônibus das empresas Axé, Expresso Vitória, BTU e Barramar ainda estão nas garagens. Viaturas da Polícia Militar estão nas portas de algumas empresas.

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 5ª Região antecipou a data de julgamento do dissídio coletivo de greve dos rodoviários para a próxima quinta-feira (29), às 16 horas. A reunião estava marcada para a manhã de sexta-feira (30), mas, segundo o TRT, a "antecipação de se deve à urgência em se deliberar sobre o assunto, tendo em vista que toda a sociedade vem sendo afetada pela ausência de transporte público" desde a noite de segunda-feira (26).
 
A reunião de conciliação entre empresários e rodoviários, na manhã desta terça-feira (27), terminou sem acordo na sede do TRT. O desembargador Valtércio de Oliveira ouviu as duas partes separadas, mas não houve acordo. O maior impasse foi em relação ao ticket alimentação.
 
Os cobradores e motoristas decidiram paralisar as atividades após impasse com o Sindicato dos Rodoviários. Na tarde de ontem, após aceitar o acordo com os empresários, o sindicato descartou a greve marcada para hoje, mas um grupo de rodoviários afirmou que não participou da assembleia da categoria sobre a aceitação da proposta feita pela SRTE (Superintendência Regional do Trabalho e Emprego) e os rumos do movimento paredista.
 
Durante reunião de conciliação, a superintendente do trabalho e emprego, Isa Simões, apresentou uma proposta que prevê reajuste salarial de 9%, percentual extensivo ao valor do tíquete-alimentação e às demais cláusulas econômicas da convenção coletiva de trabalho dos rodoviários de Salvador. Também está prevista a jornada de trabalho de sete horas e 20 minutos, com 20 minutos de intervalo de descanso.

27 de maio de 2014

Justiça acata pedido do MP e proíbe prefeitura de usar recursos públicos em Fan Fest da Fifa


Justiça acata pedido do MP e proíbe prefeitura de usar recursos públicos em Fan Fest da Fifa
Foto: Divulgação
O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) acatou, nesta terça-feira (27), o pedido do Ministério Público Estadual para proibir o uso de recursos municipais na realização da Fan Fest da Fifa em Salvador. A decisão, assinada pelo juiz George Alves de Assis, da 7ª Vara da Fazenda Pública, considera o orçamento inicial da organização da festa (R$ 20 milhões) e entende que a aplicação da quantia fere o princípio da supremacia do interesse público – ou seja, não será traduzida em benefícios à população da capital. “A controvérsia estabelecida diz respeito ao dispêndio de verbas públicas (...), não havendo, em prol do Município de Salvador, qualquer prestação de serviço ou entrega de produto, de modo que não se pode considerar que tais valores são disponíveis pelo Poder Público no exercício do interesse público secundário”, diz o magistrado, que estabelece multa pessoal de R$ 50 mil ao prefeito ACM Neto (DEM), em caso de descumprimento da medida. Ajuizada na última quinta-feira (21) pela promotora Rita Tourinho, a ação civil pública proposta pelo MP alega que há “abuso de direito” por parte da Fifa, em exigir a execução do evento nas cidades-sede do Mundial. Em entrevista ao Bahia Notícias na sexta (23), o secretário do Escritório da Copa, Isaac Edington, disse que busca patrocinadores para o projeto, orçado por ele em R$ 2,5 milhões, mas reconheceu que a produção da festa, prevista para acontecer no Farol da Barra, ainda não garantida pela gestão municipal, exigirá apelo aos cofres públicos. "Todo evento para acontecer acarreta gastos para a cidade, ainda mais dessa magnitude. O Município é responsável por organizar o espaço do evento, disciplinar o trânsito, fazer a limpeza...”, admitiu. O ofício com o parecer do TJ-BA foi encaminhado à prefeitura, que pode recorrer da decisão. Após marcar para a manhã desta terça uma entrevista coletiva sobre os detalhes da Fan Fest, a administração soteropolitana decidiu adiar o anúncio, sob alegação de problemas na agenda de Neto. 
Bahianotícias

EM 1º SOUTO 2º LÍDICE DA MATA E EM 3º LUGAR RUI COSTA

Ao lado direito do seu vídeo fizemos uma enquete sobre a corrida eleitoral ao governo do estado, vote em quem você achar o melhor nome para governar a Bahia.

Pesquisa Ibope/Correio aponta Souto na liderança para governo e Geddel à frente no Senado
Fotos: Bahia Notícias
A pesquisa Ibope/Correio desta terça-feira (27) aponta o pré-candidato do DEM Paulo Souto na liderança, com possibilidade de vitória já no primeiro turno, na corrida pelo governo do Estado. Conforme o levantamento estimulado, quando é oferecida a lista de postulantes ao eleitor, o democrata está com 42%, bem à frente dos dois principais concorrentes: Lídice da Mata (PSB) aparece com 11% e Rui Costa (PT) com 9%. Da Luz (PRTB) tem 2% das intenções de voto e Marcos Mendes (PSOL), 1%. Brancos e nulos somam 19%, enquanto 16% não souberam dizer em quem votariam ou não responderam. Na disputa pelo Senado, o cenário também é favorável à oposição: Geddel Vieira Lima (PMDB) surge com 34%, contra 14% de Otto Alencar (PSD) e 5% de Eliana Calmon (PSB). Hamilton Assis (PSOL) tem 2%. Brancos e nulos correspondem a 19% dos entrevistados. Já 26% não souberam apontar uma preferência ou não responderam. O Ibope ouviu 1.008 entrevistados entre 15 e 19 de maio. A margem de erro é de três pontos porcentuais para mais ou para menos. A amostragem foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral no último dia 22 sob o número BA-00004/2014.
Fonte: Bahia Noticias

Estado de greve: rodoviários param a Sete Portas e Salvador amanhece sem ônibus

A capital baiana amanheceu com poucos ônibus circulando, na manhã desta terça-feira (27), após o impasse entre os rodoviários que, mesmo após descartar uma greve, muitos motoristas pararam os ônibus na Avenida Sete Portas e outros não saíram das garagens. 



O Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Salvador (Setps) afirmou nesta segunda-feira (26), em nota, que ingressou com dissídio coletivo -- quando as partes entram em impasse e passa a ser decidido juridicamente -- na Justiça do Trabalho em função da ameaça de greve dos rodoviários. De acordo com a diretoria do Sindicato dos Rodoviários, mesmo com a aceitação da proposta pelos representantes da categoria nesta tarde de segunda-feira (26), muitos profissionais que não puderam entrar no local da votação e discordam do acordo reclamaram.
 
Ônibus foram parados nas estações Pirajá, Aquidabã, Mussurunga e Lapa por rodoviários insatisfeitos com a oferta dos empresários. Em diversos pontos de ônibus de Salvador, poucos coletivos circulam e os que passam não param para pegar passageiros, segundo relatos. De acordo com o Setps, às 8h30 desta terça-feira (27) haverá uma audiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT-5), em Nazaré.
 

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) determinou que uma frota mínima com 70% dos ônibus circule por Salvador nos horários de picos a partir da terça-feira (27). Caso a decisão não seja cumprida, o sindicato da categoria deverá pagar multa diária de R$ 100 mil.

A decisão é uma liminar que foi pedida por dois sindicatos do setor de transporte para garantir a circulação dos ônibus e evitar manifestações que possa interferir no trabalho dos rodoviários que não optarem por parar. A liminar foi deferida parcialmente nesta segunda-feira.

É entendido como horário de pico o período das 4h30 às 8h30 e das 17h às 20h. Nos demais horários, deve ser mantido um mínimo de 50% da frota.

26 de maio de 2014

APROVAÇÃO GERAL DO PISO SALARIAL NACIONAL DOS AGENTES DE SAÚDE.


PISO SALARIAL NACIONAL DOS AGENTES DE SAÚDE: 
Como funciona o processo de análise de sanção ou veto de projeto de lei ?

Saiba os passo finais que dependem da presidente Dilma para o Piso SalarialNacional dos Agentes de Saúde começa ter força de lei:

São enviados à SANÇÃO(Aprovar) ou ao VETO(Negar), Presidencial apenas os projetos de lei e os projetos de lei complementar, depois de aprovados tanto na Câmara dos Deputados, quanto no Senado Federal.

O prazo para a análise presidencial é de até quinze dias úteis 
(art. 66, § 1º, da Constituição), contados a partir do recebimento dos autógrafos do projeto, com a redação final da matéria.

Nesse prazo, os ministérios envolvidos com o tema examinam a 
constitucionalidade do texto e sua adequação ao interesse público. A partir dessas avaliações, a Presidenta da República decide se haverá sanção, veto integral ou veto parcial.

As propostas de emendas à Constituição não são submetidas à análise de 
sanção ou veto pela Presidência da República, já que são promulgadas pelas próprias Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal.

AGORA MANDE SEU E-MAIL PARA A PRESIDENTE EM DEFESA DO PISO:

Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República
Palácio do Planalto, Praça dos Três Poderes
4º andar, sala 404
CEP: 70150-900
Brasília - DF

Assessoria de Comunicação (61) 3411.2333 / 1996 | Fax: (61) 3411-1503
imprensa.sri@presidencia.gov.br
Chefia de Gabinete(61) 3411.1424 | 1585 | Fax: (61) 3411-1503
sri.gabinete@presidencia.gov.br
Subchefia de Assuntos Parlamentares(61) 3411.1440 | 1441 | Fax: (61) 3323-1033
supar.gabinete@presidencia.gov.br
Subchefia de Assuntos Federativos(61) 3411.1728 | 1860 | Fax: (61) 3411-1197
safpr@presidencia.gov.br  
 
Autoridade responsável pelo monitoramento da implementação da Lei:

Odilon Borges de Souza
(61)3411 1316
odilon.souza@presidencia.gov.br
 Redação do Conexão Noticias com relacõesinstitucionais

João Henrique desabafa em inauguração de prefeitura-bairro





O ex-prefeito de Salvador João Henrique (PSL) afirmou no último sábado (25) que “não é mais besta” e ameaçou “vereadores ingratos” que teriam lhe virado as costas. A declaração foi feita durante a inauguração da prefeitura-bairro de Cajazeiras. O ex-gestor demonstrou insatisfação ao não ser convidado para subir ao palanque do evento e, sem citar nomes, criticou vereadores da capital baiana. “Vereadores que eu não deixei passar fome... vereador, esposa, pai de vereador que eu não deixei passar fome e hoje me dão as costas. Mas Deus está no comando de tudo. Viva Deus!”, bradou JH, antes de prometer uma mudança de atitude. “E os vereadores ingratos vão conhecer o verdadeiro João Henrique, que não é mais besta. O João Henrique besta ficou para trás. Em nome de Jesus”, clamou. Esta não é a primeira vez que o ex-prefeito reclama da suposta “ingratidão” de edis soteropolitanos. Em outubro do ano passado, JH demonstrou mágoa com “um time de 15 vereadores” que faziam parte da sua base na Câmara e não votaram pela aprovação das suas contas. “Quando o voto era secreto, votaram comigo. No voto aberto, houve dez vereadores altivos e corajosos que mantiveram a palavra, mas 15 desapareceram”, reclamou à época.



Rodoviários insatisfeitos com acordo fazem protestos em Salvador


Rodoviários insatisfeitos com acordo fazem protestos em Salvador; veja vídeo
Foto: Max Haack/ Ag Haack/ Bahia Notícias
Rodoviários descontentes com o acordo firmado entre o sindicato da classe e o patronato organizam manifestações na tarde desta segunda-feira (26) em vários pontos de Salvador. Os trabalhadores enfileiram ônibus na região das Sete Portas, na Avenida Heitor Dias, o que prejudica o trânsito no local. Nas estações Pirajá e Mussurunga e no final de linha da Ribeira os funcionários se negam a circular com os veículos. 
Bahianotícias

Missa campal celebra centenário de Irmã Dulce


Missa campal celebra centenário de Irmã Dulce
Raul Golinelli/GOVBA
Uma procissão pela Cidade Baixa, seguida de uma missa campal, conduzida pelo arcebispo de Salvador e primaz do Brasil, dom Murilo Krieger, e acompanhada por cerca de 10 mil pessoas - entre elas o governador baiano, Jaques Wagner (PT) - abriu, no fim da tarde deste domingo (25), as comemorações pelo centenário de nascimento de Irmã Dulce. A religiosa baiana, que tinha como nome Maria Rita de Souza Brito Lopes Pontes (1914-1992) e foi tornada beata em dezembro de 2010, completaria 100 anos nesta segunda-feira. O processo de canonização da hoje chamada Bem-Aventurada Dulce dos Pobres está sob análise do Vaticano, que estuda casos de milagres atribuídos a ela. As celebrações pelo centenário de Irmã Dulce seguem ao longo do ano. Entre as principais ações programadas estão o lançamento de um livro e um filme sobre a vida e obra da religiosa - que será interpretada no cinema pela atriz Regina Braga - e a reabertura do Memorial Irmã Dulce, em Salvador. Além disso, são esperados a inauguração da Unidade de Quimioterapia e Radioterapia das Obras Sociais de Irmã Dulce (Osid) e o início da construção de uma Unidade de Coleta e Transfusão de Sangue.
Bahianotícias

25 de maio de 2014

João Henrique teria chamado Imbassahy na mão em inauguração em Cajazeiras

Os ex-prefeitos de Salvador Antônio Imbassahy (PSDB) e João Henrique (PSC) teriam se estranhado durante inauguração da prefeitura-bairro de Cajazeiras, na manhã deste sábado (24). O evento contou com a presença do atual gestor da capital, ACM Neto (DEM), de vereadores, secretários municipais e lideranças da região.

 

Imbassahy participa ao lado de ACM Neto de inauguração em Cajazeiras neste sábado
 

Conforme informações apuradas pelo Bocão News, João Henrique teria chamado Imbassahy “na mão”. Segundo relatos de testemunhas que preferiram não se identificar, os dois ex-alcaides só não se engalfinharam e rolaram pelas ruas de Cajazeiras devido à intervenção rápida de um vereador.

Em contato com o Bocão News, Imbassahy negou atrito com João Henrique. Questionado se estava "tudo na paz" mesmo entre os dois ex-gestores soteropolitanos, Imbassahy foi enfático: "Ele lá e eu cá. Somos pólos diferentes", despistou.

Outro que teria sentido a ira de João Henrique foi o vereador kiki Bispo (PTN), que teria sido chamado por João, aos gritos, de traidor. Na confusão, um ex-assessor de João Henrique ainda levou um tapão nas costas, além de um outro ex-colaborador, que caiu fora quando percebeu a revolta de João Henrique, se não, sobrava também.

Ainda conforme informações, o ex-prefeito chegou acompanhada da mulher, Tatiana Paraíso, mas teria sido barrado, já que queria subir no palco improvisado para as autoridades, o que teria provocado a sua revolta. Depois da confusão, João Henrique não foi mais visto no local.

 

Kiki Bispo foi chamado de traidor por João Henrique

CONVITE - Audiência pública discute falta de acessibilidade nas obras de Salvador



A Comissão da Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência realiza nesta terça-feira (27), Às 9h, o a audiência pública: ‘Acessibilidade continua pedindo socorro nas obras de Salvador’, no auditório do Bahia Center, Rua Ruy Barbosa, 20, Edf. Bahia Center, Centro.

Falhas nos pisos táteis, falta de semáforo sonoro e de rampas de acessibilidade são alguns dos problemas enfrentados pelas pessoas com deficiência em Salvador.

Para discutir o tema, a CPDEF convidou o Ministério Público, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano, o Crea e os conselhos Municipal e Estadual da Pessoa com Deficiência, entre outros. Venha também debater esse problema conosco.

Lídice defende equiparação na distribuição de projetos em evento no Oeste baiano


Lídice defende equiparação na distribuição de projetos em evento no Oeste baiano
Senadora participou de evento em Santa Maria da Vitória Foto: Divulgação
A senadora e pré-candidata ao governo do estado Lídice da Mata (PSB-BA) defendeu a equiparação na distribuição de projetos para o desenvolvimento do Oeste da Bahia, durante evento realizado neste sábado (24) na cidade de Santa Maria da Vitória, a 876km de Salvador. A socialista participou do painel “Qual o Oeste que queremos?”, que contou com a presença de lideranças da região e integrantes do seu partido, como os pré-candidatos a deputado federal, Domingos Leonelli, e estaduais Fabíola Mansur e Antonio Lisboa. Segundo a socialista, o Oeste do estado não pode conviver com a realidade de ter um polo desenvolvido e outro cercado de desigualdades sociais. “A população tem que romper as alianças com grupos conservadores, que impedem a execução de projetos estruturantes. É preciso fazer a integração do Oeste, com a distribuição das riquezas, além de trazer cursos condizentes com a realidade regional para as nossas universidades”, disse. A senadora ainda defendeu um novo modelo educacional para a zona rural, além da construção de um hospital que atenda os municípios da Bacia do Rio Corrente. “É inadmissível que as crianças tenham que acordar 4h da manhã para sair da zona rural e estudar na cidade. Temos que levar a escola até essas pessoas, para que elas tenham perspectivas e não sejam entregues ao tráfico de drogas e ao subemprego”. No encontro, Lídice ainda recebeu um documento com as sete principais reivindicações dos moradores locais, que inclui ações nas áreas da saúde, infraestrutura, educação e agricultura, além da revitalização do Rio São Francisco.

Bahianotícias

24 de maio de 2014

Senadora Lídice da Mata defende luta dos agentes de saúde na aprovação do piso nacional

Em plenário, durante votação
do projeto que estabelece piso salarial da categoria, a senadora Lídice da Mata
(PSB-BA) defendeu a luta dos agentes comunitários de saúde e controle de
endemias e pediu garantia de que não venha a ocorrer congelamento salarial. A
parlamentar também destacou a união, mobilização e o esforço desses
profissionais e citou o engajamento das lideranças do PSB-BA na defesa desta
pauta. Assista!










23 de maio de 2014

COMPETENTE ADVOGADA DA CONACS, DRA. ELANE DESABAFA

Meus amigos do face, vendo essas fotos, fico imaginando como o Governo substima a FORÇA DA UNIÃO dessa categoria! Depois de tantos anos de luta e árduas batalhas para chegar até aqui, acharam mesmos que a CONACS iria aceitar um acordo para contemplar a covardia dos prefeitos e a inabilidade desse Governo em negociar com uma entidade supra partidária? A CONACS foi surpreendida com uma reviravolta feita pelo Governo que, sob o argumento de um acordo com lideranças, estaria apoiando a aprovação do piso, porém sem o texto do art. 9B. Na verdade uma grande armadilha, que justificou inclusive a subta mudança da relatoria do PLS 270, que já havia sido designada ao Sen Eduardo Amorim, já q sua proximidade com a CONACS e o comprometimento com essa causa impediria o Governo de manipular a aprovação do Piso! Tolice,... que fique claro: a CONACS não é apenas uma sigla estampada em uma bandeira. CONACS é sinônimo de PERSISTÊNCIA, UNIÃO E COMPROMISSO exclusivo com a categoria dos ACS e ACE. Preciso fazer esse registro, pois quase perdemos tudo, e toda luta se tornaria em vão. Que fique a lição, não basta ter sigla, para falar em nome dos ACS e ACE tem q estar compromissado com a categoria e principalmente estar na luta! Assim, agradeço a confiança de todos os dirigentes da CONACS e lideranças sindicais e associativas q acompanharam o nosso trabalho todo esse tempo, e com a responsabilidade a mim confiada, enfrentamos ontem uma das maiores batalhas de todas que já vivenciei em 10 anos de trabalho junto a essa categoria. Por isso, digo q ontem não foi aprovado tudo o que queriamos e nem tudo q poderíamos ter conseguido, mas isso não conseguiu diminuir nossa vitória, e ver Ruth sentada ao lado do presidente do Senado foi a melhor resposta que se poderia dar a aqueles que duvidavam da capacidade da CONACS em reagir!
Curtir ·  · 

REDUÇÃO DA MORTALIDADE INFANTIL: UMA AÇÃO DOS AGENTES DE SAÚDE

Brasil atinge meta da ONU e reduz mortalidade infantil

por Lígia Formenti | Agência Estado
O Brasil atingiu a meta assumida no compromisso "Objetivos de Desenvolvimento do Milênio" de reduzir em dois terços os indicadores de mortalidade de crianças de até cinco anos. O índice, que era de 53,7 mortes por mil nascidos vivos em 1990, passou para 17,7 em 2011. Os números integram o 5º Relatório Nacional de Acompanhamento, divulgado nesta sexta-feira, 23, em Brasília pelo governo. A meta foi atingida antes do prazo estipulado, 2015. A redução de morte materna, no entanto, não teve o mesmo sucesso. O documento admite que o Brasil dificilmente vai cumprir o compromisso de chegar em 2015 com no máximo 35 óbitos maternos a cada 100 mil nascimentos. Para isso, seria necessário praticamente reduzir pela metade os indicadores de 2011. Naquele ano, o número de mortes de mulheres durante a gravidez, o parto ou até 42 dias após o nascimento do bebê era de 63,9 por 100 mil nascimentos. Embora ainda muito superior ao compromisso assumido, os índices de mortalidade materna no País já foram significativamente maiores. Em 1990, eram 143 por 100 mil nascimentos. O relatório argumenta ainda que o Brasil não é o único país a ter um desempenho nessa área abaixo do que se era esperado. Objetivos do Milênio são metas estabelecidas em 2000 pela Organização das Nações Unidas (ONU) e apoiadas por 192 países. Ao todo, são oito pontos: acabar com a fome e a miséria; universalização da educação primária; promoção da igualdade de gênero e autonomia das mulheres; reduzir a mortalidade na infância; reduzir a mortalidade materna, interromper a propagação e diminuir a incidência de HIV/aids, universalizar o tratamento para a doença e reduzir a incidência de malária, tuberculose e outras doenças; qualidade de vida e respeito ao meio ambiente, incluindo reduzir pela metade a proporção da população sem acesso permanente e sustentável à água potável e parceria mundial para o desenvolvimento.

Bahianotícias

22 de maio de 2014

RECEPÇÃO CALOROSA A ENÁDIO CARECA NO AEROPORTO








Diretores da Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador - BA (AACES) fizeram uma recepção calorosa a Enádio Careca, presidente dessa entidade. Líder nato, sempre lutou pelos direitos desses profissionais. Foi assim durante o concurso, quando defendeu os agentes que seriam excluídos do Programa.


Foi assim quando liderou a luta pela mudança de regime. Foi assim pela conquista da insalubridade. Foi assim pela antecipação das gratificações. Foi assim pela iniciativa do projeto do horário ininterrupto. E é assim pela aprovação do piso salarial dos agentes de saúde e pela construção do Plano de Cargos e Vencimentos (PCV) dessa categoria, segundo as diretrizes da lei do piso.


 Valeu, companheiro Enádio, pela força dada aos agentes de combate às endemias (ACEs) e aos agentes comunitários de saúde (ACSs)! Um forte abraço dos seus diretores!


21 de maio de 2014

PISO NACIONAL: UMA GRANDE VITÓRIA DA CATEGORIA!


Foram quase 8 anos de luta, de idas e vindas a Brasília, mas a vitória chegou! Essa conquista  deve-se à organização e direção da Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde (Conacs) mais as federações e confederações, além dos sindicatos e associações, dentre as quais se destaca a Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador – BA (AACES).


 Aqui, faz-se  necessário ressaltar o papel preponderante de Ruth Brilhante e de Dra. Elane, que, mesmo diante de críticas, muitas vezes injustas e infundadas, não perderam a serenidade, souberam negociar e lutaram ardentemente para defender os agentes de saúde. Recebam os parabéns de todos os agentes de saúde do Brasil.
Outra figura importante foi o presidente da AACES, o conhecido Enádio – o Careca. Sempre apoiou a batalha pela conquista da regulamentação do piso nacional dos agentes de saúde e deu considerável auxílio a Ruth Brilhante.

 A força político-partidária também foi de capital importância para que a tramitação desse projeto obtivesse êxito. Muitos foram os parlamentares que se esforçaram para isso. Todavia, quer-se agradecer o apoio incondicional da senadora Lídice da Mata, do PSB da Bahia, a essa causa. Apoio esse intermediado pela vereadora Fabíola Mansur, também do PSB, incansável defensora dos agentes de saúde de Salvador. Parabéns a essas lutadoras!

Mas ,indubitavelmente, a garra , a perseverança, a ousadia,
 a participação destemida dos agentes de saúde de todas as partes do Brasil foram a maior responsável por essa conquista. Esses profissionais estão de parabéns e são merecidamente dignos desta vitória.

Com a aprovação do PLS 270/2006, basicamente são estes os direitos adquiridos pelos agentes de saúde:

a) Fixa o valor de R$ 1.014,00 para o Piso Salarial dos ACS e ACE no ano de 2014, sendo garantido em Lei Federal que ninguém receberá como salário base valor inferior ao Piso Salarial;

b) Define os parâmetros de reajuste do Piso Salarial a partir de janeiro de 2015, usando um decreto do presidente como índice  para reajuste do piso dos agentes; 

c) Determina o prazo de até 12 meses, a contar da data da sua promulgação, para os Gestores locais do SUS implantarem ou adequarem o Plano de Carreira da categoria dos ACS e  ACE.

                                                  AVISO

  Nosso guerreiro Enádio chega da batalha amanhã, às 14h, no Aeroporto Internacional  Luís Eduardo Magalhães. Venha e se junto ao grupo que vai recepcioná-lo. 



Senado aprova piso de R$ 1.014 para agentes comunitários de saúde


O Senado aprovou o projeto que fixa em R$ 1.014 o piso salarial nacional para os agentes comunitários de saúde e de combate a endemias, com jornada de 40 horas semanais (PLS 270/2006). Houve uma mudança: os senadores retiraram os artigos que previam um reajuste vinculado ao salário mínimo. Para preservar o poder aquisitivo do piso, um acordo de lideranças manteve no texto a previsão de aumento por meio de decreto do Poder Executivo, que deverá ser estabelecido a cada ano. A matéria segue para sanção presidencial.
Os trechos retirados foram incluídos na Câmara dos Deputados. Tratavam do aumento real, a partir de 2015, equivalente à variação positiva do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes. A sistemática é a mesma aplicada ao salário mínimo atualmente. O senador José Agripino (DEM-RN) alertou sobre o veto que seria feito pela presidente Dilma Roussef se essa parte fosse mantida.
A carreira de agentes comunitários foi regulamentada pela Lei 11.350/06, que permitiu a regularização dos funcionários contratados no âmbito da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e estabeleceu as diretrizes para contratação nos estados e municípios. Para ajudar no pagamento dos novos salários, o projeto atribui à União a responsabilidade de complementar 95% do piso salarial. Em decreto, o Executivo federal poderá fixar a quantidade máxima de agentes que poderão ser contratados com o recebimento do auxílio financeiro da União.
Vários senadores discursaram na sessão defendendo o projeto e os agentes comunitários de saúde pelo trabalho essencial que desempenham nos municípios.

Agência Senado