22 de fevereiro de 2017

Recesso Carnaval


recesso1




Em função do carnaval, comunicamos que não haverá expediente entre os dias 23 e 28/02 e 01 á 05/03/2017. Retornaremos as atividades normais a partir do dia 06/03/2017 no endereço Rua do Salete, 54, ao lado da Faculdade Visconde de Cairu.

21 de fevereiro de 2017

Falsa denuncia contra a categoria é rebatida na mesma radio

A indignação está sendo geral por parte da nossa categoria, quando um cidadão irresponsável foi até uma radio dizer um monte de mentiras, e as medidas já foram tomadas judicialmente, inclusive o dito cujo já fugiu para o interior. E agora cabe a justiça fazer sua parte.

Na entrevista o presidente da AACES e diretor do Sindseps Enádio Careca, que no mesmo dia que o infeliz deu a  entrevista, foi procurado pela radio, desmentindo o tirado a maluco e autor da falsa denuncia, e na oportunidade Enádio sugeriu ao radialista que quando alguém ligasse para a radio fazendo uma denuncia que atingisse toda uma categoria, que pelo menos a radio pedisse matricula ou outra forma de se certificar que realmente aquela pessoa é quem diz, essa a semana  foi com a nossa categoria,  e pode acontecer com outras, por exemplo: se uma pessoa ligar e não se identificar dizendo que é policial, medico, motorista ou até mesmo radialista, dizendo que a categoria não trabalha e que comete crimes profissionais, deve ir ao ar assim, sem antes ter certeza das informações?

Nós enquanto agentes de combate as Endemias sentimos na pele o que é ser expostos, com mentiras publicas reproduzidas em todas a s redes sociais, na tentativa de manchar toda toda a categoria, por isso sabemos da importância da impressa, mas prudencia nas divulgações de informações de denuncias devem ter alguns cuidados, fica nossa sugestão. 

16 de fevereiro de 2017

SMS destaca 19 unidades de referência para vacinação contra febre amarela

SMS destaca 19 unidades de referência para vacinação contra febre amarela
Foto: Osnei Restio
A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) alertou que, a partir desta quinta-feira (16), as pessoas que se deslocarão para áreas de risco e precisam se vacinar contra a febre amarela devem se dirigir a uma das 19 unidades de referência de Salvador. A medida tem busca facilitar o acesso da população ao imunobiológico. "O objetivo é otimizar o saldo da vacina febre amarela disponível e garantir a vacinação das crianças e dos indivíduos que vão viajar para as áreas de risco. Vamos concentrar a aplicação das doses em pontos estratégicos para que todos que buscarem os serviços possam ser protegidos sem maiores dificuldades", explicou  a subcoordenadora de Controle de Doenças Imunopreveníveisdo município, Doiane Lemos. A recomendação de comprovação da viagem para uma das cidades das regiões identificadas como áreas de risco para transmissão do agravo está mantida, assim como as indicações e contraindicações da vacina. Pessoas que buscarem o serviço devem apresentar, além do comprovante de viagem, documento de identificação com foto, cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) e caderneta de vacinação. Os postos de referência para vacinação são os seguintes: Multicentro Carlos Gomes - Rua Carlos Gomes, 63/66, Centro; Centro de Saúde Virgílio de Carvalho - Rua Duarte da Costa, s/n, Dendezeiros; Centro de Saúde Péricles de Laranjeira - Rua Pitangueiras, s/n, Fazenda Grande do Retiro; Multicentro Liberdade - Rua Lima e Silva, nº 217, Liberdade (antigo 3º Centro de Saúde); USF Olga de Alaketu - Rua Edson Saldanha, s/n, Baixa do Tubo-Matatu; Multicentro Amaralina - Av. Visconde de Itaboray, nº 1193, Amaralina; Unidade de Saúde da Família Clementino Fraga - Av. Centenário, s/n, Centenário; Unidade de Saúde da Família Parque de Pituaçu - Rua Araújo Bastos, nº100, Pituaçu; Unidade de Saúde da Família Mussurunga I - Rua 1, Setor E, Caminho 16, s/n, Mussurunga I; Centro de Saúde Eunísio Teixeira - Rua Jurucutus, s/n, Saboeiro; Centro de Saúde Edson Barbosa - Avenida Hilda, nº 02, Pernambués; Centro de Saúde Canabrava - Rua Bentivis, s/n, final de linha de Canabrava; Centro de Saúde Castelo Branco - Rua A, 3º etapa, Centro Social Urbano de Castelo Branco; Unidade de Saúde da Família Estrada da Cocisa - Rua Monte Claros, s/n, Paripe (final de linha da Cocisa); Unidade de Saúde da Família Alto da Terezinha - Rua Direta da Terezinha, s/n; Unidade de Saúde da Família Ilha Amarela - Rua Nova Esperança, Ilha Amarela; Unidade de Saúde da Família Alto de Coutos II - Rua Golan, s/n, Parque Setúbal, Alto de Coutos; Unidade de Saúde da Família Vista Alegre - Rua do Sabiá, s/n, Vista Alegre; Unidade de Saúde da Família Cajazeiras V - Estrada do Matadouro, Rótula de Cajazeiras, s/n.

BAHIANOTÍCIAS

13 de fevereiro de 2017

AACES INFORMA




Devido a algumas mudanças e organizações de setores, não estaremos atendendo nesta semana na sede. Estaremos retornando nossas atividades na próxima segunda-feira, dia 20, na rua do Salete, 54, ao lado da Faculdade Visconde de Cairu.

Mitos e verdades sobre a vacina contra a febre amarela

Paula Laboissière l Agência Brasil
A vacinação de rotina é ofertada em 19 estados onde há recomendação para imunização - Foto: Alex de Jesus l O Tempo l Estadão Conteúdo
A vacinação de rotina é ofertada em 19 estados onde há recomendação para imunização
 
Desde o início do surto de febre amarela em cidades do interior do Espírito Santo, a procura pela vacina em postos de saúde este ano vem aumentando. Com a confirmação de casos da doença em pelo menos três estados, a corrida em busca da imunização tem provocado filas em diversos municípios. É importante destacar, entretanto, que nem todas as pessoas precisam receber uma nova dose – grávidas e idosos, por exemplo, estão entre os grupos onde há contraindicação.
Desde o início do ano, o ministério tem enviado doses extras da vacina contra a febre amarela aos estados que registram casos suspeitos da doença, além de outros localizados na divisa com áreas que tenham notificado casos. No total, 9,9 milhões de doses extras foram enviadas para cinco estados: Minas Gerais (4,5 milhões), Espírito Santo (2,5 milhões), São Paulo (1,2 milhão), Bahia (900 mil) e Rio de Janeiro (850 mil). O quantitativo é um adicional às doses de rotina do Calendário Nacional de Vacinação, enviadas mensalmente aos estados.
Até a última sexta-feira (10), foram confirmados 230, casos de febre amarela. Dos 1.170 casos registrados como suspeitos, 847 permanecem em investigação e 93 foram descartados. Entre os 186 óbitos notificados, 79 foram confirmados, 104 são investigados e três foram descartados. Os estados de Minas Gerais, do Espírito Santo, de São Paulo, da Bahia e do Tocantins continuam com casos investigados e/ou confirmados.
Atualmente, a vacinação de rotina é ofertada em 19 estados onde há recomendação para imunização. Todas as pessoas que vivem nesses locais devem tomar duas doses da vacina ao longo da vida. Também precisam se vacinar, neste momento, pessoas que vão viajar ou vivem nas regiões que estão registrando casos da doença: leste de Minas Gerais, oeste do Espírito Santo, noroeste do Rio de Janeiro e oeste da Bahia. Não há necessidade de corrida aos postos de saúde, já que há doses suficientes para atender as regiões com recomendação de vacinação.
Confira abaixo mitos e verdades sobre a vacina contra a febre amarela, conforme informações divulgadas pelo Ministério da Saúde:
Preciso tomar a vacina a cada dez anos.
MITO. O esquema vacinal da febre amarela é duas doses, tanto para adultos quanto para crianças. As crianças devem receber as vacinas aos 9 meses e aos 4 anos. Assim, a proteção está garantida para o resto da vida. Para quem não tomou as doses na infância, a orientação é uma dose da vacina e outra de reforço, dez anos depois da primeira.
Grávidas e mulheres que estão amamentando não devem se vacinar.
VERDADE. De uma forma geral, não se recomenda a vacinação de grávidas e mulheres que amamentam. Em algumas situações, entretanto, o médico pode indicar a imunização – como em casos de surto no município. Nesse tipo de situação, lactentes que receberem a dose devem suspender a amamentação por um período de 30 dias.
Mesmo tendo tomado as duas doses, tenho risco de pegar febre amarela.
MITO. As duas doses da vacina são suficientes para proteger durante toda a vida contra a doença.
Quanto mais doses eu tomar, mais imunizado eu fico.
MITO. O esquema vacinal da febre amarela é de duas doses, tanto para adultos quanto para crianças. Elas são suficientes para proteger durante toda a vida. Uma terceira dose não vai criar nenhuma proteção adicional.
Se não moro em área onde há recomendação de vacina, não preciso receber a dose.
VERDADE. No Brasil, a vacinação é recomendada a partir de 9 meses de vida para pessoas que residem ou se deslocam para municípios que compõem a chamada Área Com Recomendação de Vacina. Locais com matas e rios, onde o vírus e seus hospedeiros e vetores ocorrem naturalmente, são identificados como áreas de risco. Se você não mora em área onde há recomendação de vacina, não é necessário tomar a dose.

Bahianotícias

11 de fevereiro de 2017

Parabéns à delegada Tasila



A imagem pode conter: 5 pessoas

Parabéns à delegada Tasila pela passagem do seu aniversário. Feliz aniversário, companheira! Que Deus continue iluminando você e a sua família!

Diretoria da Aaces

10 de fevereiro de 2017

Parabéns ao diretor Josué

Hoje é a vez do diretor Josué comemorar mais um ano de vida! Felicidades, companheiro! Feliz aniversário!
Diretoria da Aaces

8 de fevereiro de 2017

Parabéns à diretora Valdilene

 
Parabenizamos a diretora Valdilene pela passagem do seu aniversário. Que Deus ilumine você e a sua família, companheira! Também não lhe faltem saúde, paz, dindim, amor e sucesso em todas atividades e projetos que vier a empreender na sua vida. Feliz aniversário!
Diretoria da Aaces

7 de fevereiro de 2017

Ato de solidariedade para o irmão de farda ACE de salvador do Distrito Cabula Beiru "B"

Jurandi 
 Uma fatalidade aconteceu e o nosso irmão de farda JURANDI DE SOUZA BATISTA  sofreu um acidente de moto, fraturando sua perna e seu braço, onde pode ser visto nas radiografias os parafusos, como todos sabem, quando nos afastamos do campo, perdemos, INSALUBRIDADE, TRANSPORTE E ALIMENTAÇÃO, dando um baque em nossa receita financeira.

Portanto estamos fazendo uma campanha para ajudar nosso colega, pois está necessitando de ajuda na compra de remédios, alimentação e em carros para se locomover para realizar sua fisioterapia, quem puder ajudar faça contato com o mesmo 071 98634-0540, ou faça um deposito em sua conta corrente a partir de 1 REAL ou quanto quiser em sua conta corrente (conta salário) Bradesco Agencia 1425 C.C 0043187-7.
Qualquer ajuda será bem vinda para nosso irmão de farda, estamos fazendo nossa parte, agora é a sua vez.


Reunião com a Semge para tratar dos assuntos financeiros da categoria




Ontem 06 de Fevereiro o presidente da AACES Enádio Careca que também é diretor do Sindseps participou de uma uma  reunião com outros membros do sindicato, com o novo gestor da pasta o senhor Thiago Dantas, que assumiu a SEMGE no lugar de Sônia Magnólia, o novo secretário é servidor do município na função de procurador.

 Thiago Dantas novo secretário da Semge
As pautas da reunião entre muitas outras, se deu com o foco em apenas duas, ou seja as mais importantes no momento, que é o reajuste salarial e do tíquete alimentação de 2016, o avanço de 5.5% referente ao plano de cargos da lei 78.867/2010, na oportunidade também foi cobrado pelo presidente da AACES o aumento do efetivo dos agentes de saúde para trabalhar carnaval.

O Secretário acolheu as demandas reprimidas da categoria, e ficou de conversar com o secretário de saúde e com o prefeito, e que depois nos convidaria para outra reunião com possíveis respostas. 

Nem sempre o ideal é o possível, a luta deve ser unificada, todos nós somos agentes de saúde e quem sempre esteve na luta sabe que as coisas nunca foram fáceis, não podemos esquecer que saímos de terceirizados, vencemos um concurso, conquistamos nossa insalubridade e o tão sonhado horário ininterrupto com as retiradas dos horários dos Fad,s, essa ultima vitoria ainda falta estender aos ACS, e para alcançar todos esses objetivos, a união e a coragem foi o ingrediente fundamental, por isso vamos nos unir, a gestão não tem medo dos dirigentes sindicais, mas sim da categoria  unida, nós somos os porta vozes do anseio dos trabalhadores, a desunião só fortalece a gestão. 

Agentes de saúde desunidos

Agentes de saúde unidos 







6 de fevereiro de 2017

Sesab identifica casos suspeitos de febre amarela em Nova Viçosa e Itamaraju


Sesab identifica casos suspeitos de febre amarela em Nova Viçosa e Itamaraju
Foto: Divulgação
Dois novos municípios baianos registram casos suspeitos de febre amarela. De acordo com boletim da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), até esta segunda-feira (6) foram notificados 11 casos suspeitos da doença no estado. Dois novos municípios entraram na lista: Itamaraju e Nova Viçosa, ambos no extremo-sul da Bahia, tiveram uma notificação cada. Além deles, também são investigados casos em Itiúba (1), Coribe (4), Mucuri (1) e Teixeira de Freitas (3). Desses, dois foram descartados laboratorialmente.  Nove casos permanecem em investigação. Os residentes de Coribe e Itiúba, segundo a Sesab, são da zona rural.
 
Bahianotícias

3 de fevereiro de 2017

Evento Agente Mulher, Pendências

O evento Agente Mulher a ser realizado no dia 09 de Março ja possui a suas inscrições esgotadas mas algumas agentes estão com suas inscrições pendentes sendo assim solicitamos que todas as inscritas verifiquem os seus respectivos e-mails no qual contem informações importantes para sua respectiva participação no evento.

Solicitamos que vossa resposta/confirmação aconteça até o dia 06 de fevereiro de 2017 possibilitando assim a vaga para outra agente de saúde.

Segue o link matéria de abertura das inscrições: http://aaces2.blogspot.com.br/2017/01/evento-agente-mulher.html


Com surto, áreas de risco de febre amarela chegam a 90% da cobertura vacinal

Com surto, áreas de risco de febre amarela chegam a 90% da cobertura vacinal
Foto: Divulgação
Dados do Ministério da Saúde apontam que os municípios da área de risco de febre amarela chegaram a 90% de cobertura vacinal depois do surto que atingiu Minas Gerais e cidades de estados vizinhos. "Com o aumento da cobertura da vacina, a expectativa é que caia o número de casos suspeitos, uma curva que ocorrerá de forma simultânea", disse o ministro da Saúde, Ricardo Barros. Já foram notificados 902 casos suspeitos da doença em 2017, a maior parte, 802, em Minas. Diante do surto da doença, a pasta anunciou nesta quinta-feira (2) que dará um incentivo financeiro por dose de vacina aplicada em 256 municípios da área de risco, dos estados de Minas Gerais, São Paulo, Bahia, Espírito Santo e Rio de Janeiro. Ao todo, segundo a Agência Brasil, esse reforço custará mais de R$ 13 milhões, a maior fatia (R$ 5,6 milhões) para Minas Gerais. Cada município receberá 25% a mais do que recebe pela aplicação de uma dose da vacina. O valor será pago pela imunização feita a partir de 1o de janeiro. Estas prefeituras também receberão ressarcimento pelo aumento dos custos com leitos, UTIs e serviços laboratoriais, ocasionados pelo surto de febre amarela desde 1o de janeiro. "Vamos ressarcir toda criação de leitos, contratação de laboratórios, locação de equipamentos, mediante documentos comprobatórios", disse em coletiva à imprensa o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Francisco Figueiredo. Outra medida da pasta é adiantar 40% dos recursos de ação de vigilância - como combate ao mosquito e busca de macacos infectados - para estes municípios. Neste caso, serão liberados R$26,3 milhões para estes municípios. Em situação de normalidade, estes valores seriam repassados em abril.
 
Bahianotícias

2 de fevereiro de 2017

Para reflexão



Morreu um sindicalista diante de um menino e o menino pergunta ao seu pai:

- Quem é essa pessoa que morreu?

Não sei, filho. Disseram que era um Sindicalista.

O menor se aproxima de uma pessoa que estava vestida com uma roupa muito elegante ... era o Diretor do Sindicato onde trabalhava o Sindicalista. O rapaz lhe pega a mão e pergunta:

Eu poderia saber o que é um Sindicalista ?
O Diretor responde com a voz trêmula e seus olhos cheios de lágrimas

Um Sindicalista ...

É uma pessoa que dorme menos do que muita gente pensa, passa frio, sol, chuva, fome...

Muitas vezes não está presente em momentos marcantes como os primeiros passos de um filho ... aniversário dos parentes e amigos ... reuniões e apresentações na escola ... pois passa boa parte de sua vida trabalhando ...

Vive muito distante da sua família...
De seus filhos quando adoecem...
De sua esposa...
De seus pais e irmãos...
Recebe insultos e até golpes...
Chora... Sente... Sofre...

E sabe que nunca será reconhecido
Pelo seu esforço.

O Presidente acha que ele não trabalha. Acha que ele faz corpo mole.
Os operários exploram o máximo que pode.
Em função de não ter tempo, os amigos
Acham que ele ficou arrogante.
A esposa acha que ele tem amante na rua Porque não dá mais atenção como antigamente.

Passa milhares de sustos ... com greves, emboscadas das empresas e carros de polícia que lhe abordam constantemente e ainda está sujeito a chuva raios tempestades. E muitas coisas mais que se passa, e que ninguém sabe. Para não deixar ninguém preocupado guarda Tudo pra ele. Geralmente está deprimido por dentro, mas Sorri por fora.

Quando sai para seu trabalho desde muito cedo, não sabe se vai voltar para casa bem... Ou vai ter que ficar trabalhando em São Paulo ou Porto Primavera por vários dias, ou pior ainda perder a vida... Isso é parte daquilo que é um sindicalista,

(de repente se ouve o som de um telefone que esta no bolso da calça do falecido...)

O Diretor deixa a criança por um momento para pegar o celular, ao vê-lo se dá conta que é da casa do
sindicalista...

Vê que é uma mensagem e em voz muito baixa o lê:

(olá papai, peguei o celular da minha mãe para escrever esta mensagem:
Que é para dar os parabéns pelo seu aniversário, estou ansiosa para que vejas o teu presente porque depois de uma semana que você não podia estar em casa para partir o bolo, hoje faremos juntos!!
Te amo Papai ... és o meu Super-herói...
Um grande beijo...Te espero em casa. )

Assim é a vida de um "Sindicalista" !!!

Se puder divulguem a mensagem para que as pessoas em vez de criticar valorize o esforço de um SINDICALISTA!

1 de fevereiro de 2017

2016 o ano não foi muito bom para os servidores de Salvador, principalmente nós ACS e ACE


Com 0% de reajuste no ano de 2016 os agentes de saúde amargaram também a não progressão de 5.5% da lei 7.867 do plano de cargos da saúde, houve muita luta, mas a gestão foi irredutível, usando todas as maneiras possíveis de não reajustar nossos salários, hoje com o minimo de R$ 937.00, estamos recebendo R$ 149.00 menos que o minimo atual.




E para piorar a nossa situação a dona Hap Vida aplicou um reajuste de 12.85%, e ainda alega que foi o menor  que o Índice de Preço do Consumidor  Amplo que foi de 21.33%, ou seja para reajustar o lucro deles eles usam os índices oficiais, e para nós usam a crise no país.

Tivemos uma reunião com o secretário de saúde, o mesmo alegou que o reajuste de 5.5% está congelado, e que vai se reunir com a Semge para ver a possibilidade do descongelamento.

Não podemos aceitar tudo isso e ficar calados e parados, sobre os 5.5% as medidas legais já foram tomadas, mas temos que pressionar contra esse reajuste da Hap Vida e pelo retroativo de 2016.

Somos uma categoria de quase 4 mil agentes de saúde, a gestão não tem medo dos dirigentes sindicais, e sim da força da categoria, portanto vamos chamar uma assembleia e se mobilizar para lutar, a nossa data base é Maio, temos que resolver as pendencias de 2016 antes disso, agentes de saúde unidos, jamais serão vencidos.

LEI Nº 7867/2010.

 Art. 2º Esta Lei abrange os servidores públicos municipais ocupantes de cargo de provimento efetivo, integrantes do Grupo Ocupacional dos Profissionais de Saúde, do Grupo de Agentes de Saúde, dos servidores ocupantes de cargo em comissão e função de confiança. (Redação dada pela Lei nº 7955/2011)