30 de março de 2016

Varela critica tentativa de politizar protesto de servidores: “Prefeito, vá ao mercado”

Redação VN
redacao@varelanoticias.com.br
Os servidores municipais que foram à Estação da Lapa protestar contra o prefeito ACM Neto (DEM), nesta terça-feira (29), acabaram voltando pra casa com o gosto amargo do spray de pimenta no rosto. Nesta quarta (30), Varela criticou a postura de Neto ao não abrir negociações para aumento salarial da categoria e citou a inflação atual no Brasil, que eleva o preço dos alimentos e outros produtos. Confira o comentário na íntegra:
“Eu não concordo quando Neto fala que é movimento político. O movimento é trabalhista. Prefeito, vá no mercado fazer uma feira. Dá um pulinho no mercado, com a lista que você comprou no mês passado. Como o pobre vai se alimentar se as coisas estão dobrando de preço? Se a inflação estivesse baixa, ninguém pediria aumento. Mas na cabeça do político, tudo é política, mas não é. Há insatisfação do servidor, o que é natural, porque o reajuste é obrigatório. Qual é o indexador do município? A inflação? O INPC? Mas tem que ter indexador. Você não pode passar dois anos sem aumento. Isso estaria certo se 1 real valesse 1 dólar, porque teria estabilidade, inflação zero, como já tivemos no passado, no governo de Itamar Franco, ministro FHC. Havia mês que tinha deflação. Dei ontem parabéns ao prefeito pela Lapa, um equipamento importantíssimo, e eu me senti muito à vontade porque cobrei por 20 anos de Imbassahy, João Henrique. Parabéns à Prefeitura, mas politizar o movimento não. Está todo mundo comendo menos e o salário é o mesmo. Parece que essa gente de terno não vai no mercado, não compra pão… só a fruta, prefeito, aumentou 40%”.





Um comentário:

Nunca diga para os outros, aquilo que não gostaria de ouvir