1 de fevereiro de 2015

Economistas desenvolvem método para avaliar se pessoa está apaixonada
Foto: Reprodução
Economistas da Universidade da Virgínia, nos Estados Unidos, descobriram uma maneira de comprovar cientificamente quando uma pessoa está apaixonada ou não. O teste se trata apena de duas perguntas ao casal, que podem prever com exatidão se os amantes vão se separar um dia. As informações são do Jornal O Globo.
 
As perguntas formuladas pelos pesquisadores foram: “O quanto você está feliz em seu casamento, em relação à sua felicidade caso você estivesse solteiro?”, e “ Como você acha que o seu parceiro respondeu a essa pergunta?”.
 
A pesquisa começou na década 1980, quando os economistas fizeram as perguntas para 4.242 casais. As questões foram refeitas seis anos mais tarde, para os mesmos participantes. Os pesquisadores Leora Friedberg e Steven Stern perceberam, então, que aqueles que pensavam que não ficariam infelizes sozinhos acabaram, de fato, se separando. Porém, as pessoas que superestimaram a felicidade do parceiro no relacionamento estiveram ainda mais propensas a se separarem.
 
Os economistas notaram que apenas 40,9% dos casais acertaram como o seu parceiro iria responder a pergunta, o que traz o dado de que 60% dos casais tinham uma impressão errada sobre a felicidade do outro no relacionamento.
 
Os pesquisadores explicaram, então, que superestimar a felicidade do parceiro afeta diretamente a forma como eles resolvem os seus problemas cotidianos. Segundo a pesquisa, se um dos membros do casal julga errado a felicidade do outro, a probabilidade de que ele erre no momento de negociação com o par é maior.

Bahianotícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nunca diga para os outros, aquilo que não gostaria de ouvir