27 de novembro de 2017

Agentes de saúde demitidos em Santos protestam por direitos trabalhistas


Agentes comunitários de saúde fizeram um protesto na manhã desta segunda-feira (27), em Santos, no litoral de São Paulo. Eles foram demitidos e dizem que a Prefeitura de Santos não pagou as verbas rescisórias previstas pela lei 650/90.
Os trabalhadores se reuniram, por volta das 9h, em frente a Câmara Municipal de Santos. Eles vestiam camisetas pretas e chamaram a manifestação de 'Black Monday'. Os participantes seguiram em passeata até a porta da Prefeitura de Santos, na Praça Mauá.
Eles dizem que foram admitidos pela lei 650/90, que prevê a contratação de pessoal por tempo determinado, para atender à necessidade temporária, precedida de autorização do prefeito. Porém, foram demitidos e dizem que a prefeitura ainda não repassou a verba das rescisões dos contratos para a empresa terceirizada a qual pertenciam.

O G1 entrou em contato com a Prefeitura de Santos, mas até a publicação desta reportagem, a administração não se posicionou sobre o assunto.
Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nunca diga para os outros, aquilo que não gostaria de ouvir