14 de janeiro de 2017

Procura por vacina de febre amarela não aumentou em Salvador, afirma SMS


Procura por vacina de febre amarela não aumentou em Salvador, afirma SMS
Foto: Reprodução / Pixabay
Mesmo com o alerta do governo sobre a importância da vacina de febre amarela, após os 110 casos suspeitos em Minas Gerais, a capital soteropolitana não registrou um aumento na procura pela vacina pela população. As informações foram divulgadas pela Secretaria Municipal de Saúde de Salvador (SMS), que afirmou que a média de vacinação continua a mesma após a emissão do alerta: entre 3 a 5 mil vacinações por mês. Em cidades mineiras, o estoque da vacina chegou a acabar por conta da alta procura. A indicação do Ministério da Saúde é de vacinação a partir dos nove meses de idade, em pessoas que residem ou vão viajar a áreas endêmicas ou a partir dos seis meses, em situações de surtos. São indicadas a administração de duas doses da vacina. Uma avaliação médica é indicada para pessoas que tem imunodeficiência, para quem tem histórico de doenças do timo e para pessoas com histórico de reação anafilática relacionada a ovo de galinha, gelatina e produtos que tem proteína animal bovina.
 
Bahianotícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nunca diga para os outros, aquilo que não gostaria de ouvir