31 de agosto de 2016

Ao ir à área de trabalho, ACS é alvejado por dois tiros e morre

 

O agente comunitário de saúde (ACS) Edenilson Miranda Evangelista, lotado no Distrito Sanitário de São Caetano / Valéria, foi vítima de dois tiros disparados por dois homens não identificados. O crime ocorreu ontem quando o servidor ia à sua área de trabalho. A vítima chegou a ser internada, mas veio a óbito nessa madrugada.

Trata-se, infelizmente, de mais um caso em que os agentes de saúde sofrem violência durante o desenvolvimento de suas atividades. Essa situação violenta faz com que se sintam inseguros e com medo, além  de comprometer seriamente a eficiência do trabalho realizado por esses profissionais.

A Associação dos Agentes Comunitários e de Endemias de Salvador (Aaces) solidariza-se com os familiares e amigos pelo sofrimento causado por essa tragédia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nunca diga para os outros, aquilo que não gostaria de ouvir